O vírus de que todos falam alterou por completo os nossos padrões comportamentais. O que era normal há três meses, deixou de o ser. Começam a surgir os primeiros inquéritos aos consumidores. Neste artigo da GlobalWebIndex compilam-se os resultados de um questionário feito no Reino Unido e nos Estados Unidos.

Muito resumidamente, as conclusões foram as seguintes:
  • Os consumidores mais novos revelam maior preocupação com o vírus (embora sejam também eles os que se mostram mais informados);
  • 8 em cada 10 consumidores afirmam ter mudado o seu comportamento;
  • Todas as faixas etárias afirmam ler as notícias com maior regularidade do que antes;
  • As finanças pessoas ainda não são a sua maior preocupação;
  • 6 em cada 10 vêem com bons olhos consultas médicas não presenciais;
  • A maioria mostrou ter medo de que estamos à beira de uma recessão mundial.

Conheça aqui o relatório completo.