Paris, 26 de Junho de 2018 –  A JCDecaux SA (Euronext Paris : DEC), número um mundial da comunicação exterior anuncia a assinatura de um acordo com a APN Outdoor Group Limited ("APN Outdoor") para a aquisição de 100% do capital da APN Outdoor por um Scheme of Arrangement com a aprovação dos accionistas da APN Outdoor e com a autorização da Australian Competition and Consumer Commission. Nos termos do acordo, a JCDecaux oferecerá 6,70 dólares australianos em numerário por acção da APN Outdoor, correspondendo a aproximadamente 1,119 mil milhões de  dólares australianos/  0,714 mil milhões de euros e a um múltiplo VE / EBITDA 2018 de 12,9x1 antes das sinergias.
 
Esta aquisição é um marco importante na história da JCDecaux na Austrália, sétimo mercado publicitário mundial, onde nos desenvolvemos por crescimento orgânico desde 2000. A APN Outdoor é muito complementar com os nossos activos de mobiliário urbano e esta aquisição fortalecerá a capacidade da JCDecaux em fornecer uma oferta muito atraente no mercado australiano, onde a comunicação exterior representa agora 6% do investimento publicitário, do qual quase metade é digital. Por fim, estamos muito felizes por nos estabelecermos na Nova Zelândia, um mercado em forte crescimento. Jean-Charles DecauxCo-Diretor Geral da JCDecaux

A APN Outdoor é um dos líderes da comunicação exterior na Austrália e na Nova Zelândia, operando principalmente nos segmentos do grande formato, bem como do transporte terrestre, ferroviário e aeroportuário, completando desta forma os activos de mobiliário urbano da JCDecaux.

O preço da oferta representa:
- Um prémio de 18% sobre a cotação de fecho "não afectada" da APN Outdoor a 19 de Junho de 2018 de 5,68 dólares australianos;
- Um prémio de 26% sobre a cotação média ponderada nos últimos 3 meses de 5,32 dólares australianos; e
- Um prémio de 34% sobre a cotação média ponderada nos últimos 6 meses de 5,01 dólares australianos.

Além da autorização da Australian Competition and Consumer Commission, a transacção também está sujeita à autorização regulamentar do Australian Foreign Investment Review Board, do New Zealand Overseas Investment Office (se necessário), bem como de outras condições comuns. Prevê-se que a operação esteja finalizada antes do final de 2018.

A Goldman Sachs e a Herbert Smith Freehills são os assessores financeiro e jurídico da JCDecaux no âmbito desta transação.